sexta-feira, 26 de abril de 2013

Método Feldenkrais



" Movimento é vida, sem movimento a vida é inconcebível. se cantar é superlativo de falar, podemos afirmar que dançar é superlativo de andar e de se movimentar"  Feldenkrais




Coordenadora: Greice Arthuso - bailarina e coreógrafa,  clique aqui para saber mais sobre a coordenadora 




É um método altamente engenhoso para aprender mais sobre si mesmo. Utiliza as percepções que o movimento do corpo no espaço traz à consciência para tornar mais eficientes e econômicos os movimentos que integram o dia a dia como andar, descansar, levantar, alcançar.

As descobertas feitas a partir dessas ações revelam habilidades que estavam escondidas por trás de esforços mal direcionados. Uma vez descobertas essas habilidades podem ser desenvolvidas e integradas no dia a dia.

O método é ensinado em um formato de aula, onde um professor leva os alunos através de uma série de movimentos, normalmente, enquanto deitado no chão. Os movimentos são lentos, suaves, romance e exploratória. As lições são muitas vezes baseadas em padrões de desenvolvimento pelo qual os bebês aprendem a se mover, como levantar a cabeça ou perna, ou rolando para sentar ou engatinhar. Os alunos são ensinados a dirigir consciência significativa aos aspectos sutis, mas crucial de movimentos que são quase impossíveis de sentido em situações de exercício mais tradicionais, que incorporam mais velocidade, força e esforço.
Um método é um processo de aprendizagem que produz novas formas de movimentos, mais eficazes, confortáveis e saudáveis pela exploração do grande potencial do sistema nervoso.

Uma ferramenta para usar melhor o seu corpo mudando a sua cabeça. Essa é uma das muitas inversões à lógica convencional propostas pelo método Feldenkrais.


Moshe Feldenkrais foi o criador do Método Feldenkrais, uma disciplina que pretende melhorar a utilização do corpo , através do aumento da auto consciência no movimento, numa perspectiva de auto educação. Feldenkrais nasceu em 1904, na atual Ucrânia.  
Conheceu Jigoro Kano e foi um dos primeiros europeus a obter um cinto negro em Judo.
Desenvolveu o seu método na sequência de uma lesão num joelho, que segundo os médicos, não era tratável, desenvolvendo uma perspectiva original e abrangente da função sensório-motora e de sua relação com o pensamento, com a emoção e a ação.Aprendeu a andar sem sentir dor e restaurou a função do joelho. 




Nenhum comentário:

Postar um comentário